Domingo, 15 de Maio de 2016

esta noite, tenho mais uma inquilina cá em casa!

Fui regar as plantas depois de deitar os meus moços pequeninos e eis que vejo uma forma estranha no meu alecrim.

O meu alecrim tem uma história particular. Sempre quis ter um, mesmo no meu 'jardim' num 2° andar... mas até agora não consegui que vingasse. Há coisa de dois anos, lancei-me então na compra de um. Mas secou. Não percebi o porquê, mas não vingou... o ano passado, voltei a fazer a experiência, mas dupla: um alecrim comprado na loja das plantas, e um que encontrei num monte et plantei no meu jardim. Secaram os dois, coisa de dar dó.

Este ano, claro, voltei a tentar. Comprei-o pequenino ainda, e meti-o num vaso de verga com a lavanda (outra planta que gosto imenso... e nunca consegui fazer vingar). E ele começou a secar (ora bolas!). mas... eis que no meio de folhas secas, la estão a nascer folhas novas, verdinhas como Deus as quis. Lindas!

Voltando a esta noite, quando vi uma forma estranha no meio da folhagem; ainda pensei cá para mim, que raio é isto, ainda é bicho que não é bom para o alecrim... não senhor. uma abelha que se deixou ficar, com o cair da noite. Opá, eu tudo bem. As abelhas são bem vindas ao meu jardim! Eu pensei que ela estava a dormir (ou morta), mas não!, ela lá se mexeu um pouco quando reguei. fixe :) isto pode até parecer parvo, mas fico tão contente por saber que estou a contribuir, nem que seja um bocadinho-inho para a biodiversidade!

romarin.jpg

 

voado por Sem Asas às 21:12
link do post | voar | favorito

*Hora de Paris

*Agosto 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

*links

*divagações recentes

* to sleep all the night...

* Tombos

* Do tempo passado na cozin...

* parvoíces da minha adoles...

* Hoje sonhei contigo

* FERIAS!!!!!!!

* 30 Ways To Learn To Love ...

* o fim do ano lectivo está...

* Aujourd'hui, je me fous l...

* Futebol, Festival e Fatim...

* e é assim, que no meio do...

* este blog, como a sua mag...

* o ritual da manhã

* Não devia ter feito isto,...

* De férias, de novo

* "Às vezes o amor não acab...

* Sonho

* "O lado triste de quando ...

* Dos milagres caseiros

* Curtas mas boas - Nelson ...

*divagações arquivadas

* Agosto 2017

* Julho 2017

* Junho 2017

* Maio 2017

* Abril 2017

* Março 2017

* Fevereiro 2017

* Janeiro 2017

* Dezembro 2016

* Novembro 2016

* Outubro 2016

* Setembro 2016

* Agosto 2016

* Julho 2016

* Junho 2016

* Maio 2016

* Março 2013

* Fevereiro 2013

* Novembro 2012

* Outubro 2012

* Agosto 2012

* Julho 2012

* Junho 2012

* Janeiro 2011

* Setembro 2009

* Agosto 2009

* Julho 2009

* Junho 2009

* Maio 2009

* Março 2009

* Fevereiro 2009

* Janeiro 2009

* Dezembro 2008

* Novembro 2008

* Outubro 2008

* Setembro 2008

* Agosto 2008

* Julho 2008

* Junho 2008

* Maio 2008

* Abril 2008

* Março 2008

* Fevereiro 2008

* Janeiro 2008

* Dezembro 2007

* Novembro 2007

* Outubro 2007

* Setembro 2007

* Julho 2007

* Junho 2007

* Abril 2007

* Março 2007

* Fevereiro 2007

* Janeiro 2007

* Dezembro 2006

* Novembro 2006

* Outubro 2006

* Setembro 2006

* Julho 2006

* Junho 2006

* Maio 2006

* Abril 2006

* Março 2006

* Fevereiro 2006

* Janeiro 2006

*pesquisar

 
blogs SAPO

*subscrever feeds